ABEM - Associação Brasileira de Educação Musical, XIII ENCONTRO REGIONAL NORDESTE DA ABEM

Tamanho da fonte: 
Experiência docente na disciplina de Estágio Supervisionado I nas oficinas de teclado e violão.
Marcus Vinicius Carvalho, Raul Facundo Honorato, Hayrles da Conceição Freitas de Moraes Alcântara, Catherine Furtado dos Santos

Última alteração: 2017-04-26

Resumo


Este artigo é um relato de experiência das aulas de teclado e violão que aconteceram durante o semestre de 2016.1 na Escola Municipal José Alcides Pinto. As aulas foram ministradas por alunos do curso de música - licenciatura -  da Universidade Federal do Ceará, como atividade obrigatória da disciplina de estágio supervisionado I. Objetivamos reiterar a importância das experiências proporcionadas pela disciplina e refletir sobres os processos de ensino-aprendizagem empregados. Como fundamentação teórica utilizamos as contribuições de BONDÍA (2002), com seu trabalho “Notas sobre a experiência e o saber de experiência”. Reportamo-nos também a SCHAFFER (1986) com sua obra “Ouvido pensante” e a GOULART (2000), que indica as bases e diferenças entre importantes teóricos do ensino de música em "Dalcroze, Orff, Suzuki e Kodály. Semelhanças, diferenças, especificidades”. Adotamos a metodologia de abordagem qualitativa através de uma pesquisa-ação, com uma coleta de dados desenvolvida com a revisão dos diários de campo, registros audiovisuais das aulas e análise dos planejamentos. O trabalho contribui para a apresentação de várias atividades para o público infanto/juvenil, indicando metodologias de ensino-aprendizagem para o ensino de teclado e violão, assim como promove uma maior reflexão sobre a importância da experiência docente.

Texto completo: PDF