ABEM - Associação Brasileira de Educação Musical, XVII ENCONTRO REGIONAL SUL DA ABEM

Tamanho da fonte: 
Participação e Motivação nas Aulas de Música da Escola
Elcio Antonio Almeida Júnior, Franciele Pereira Oliveira

Última alteração: 2016-10-02

Resumo


Este artigo tem por finalidade, apresentar a experiência de dois bolsistas do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), em contextos escolares distintos, sendo o primeiro o “Programa Mais Educação” com aplicação de aulas de flauta doce, e o segundo no ensino regular com aulas que abordaram a temática “instrumentos da orquestra”.  Com base nas duas realidades, buscou-se estabelecer uma relação nos processos motivacionais dos dois contextos. Montando desta forma um paralelo entre a motivação intrínseca, em que a busca de determinada atividade parte do indivíduo, assim, proporcionando a satisfação e (GUIMARÃES; BORUCHOVITCH, 2004, p.143); o interesse extrínseco, no qual a motivação ocorre por meio de fatores externos, sendo estes, os principais componentes da chamada Teoria da Autodeterminação, propostas por Edward L. Deci e Richard M. Ryan em 1985. Por fim, conclui-se que dentre outros fatores motivacionais, os professores são peças fundamentais para despertar a motivação dos estudantes, tendo em vista que o docente também precisa adotar um estilo motivacional que apoie a autonomia dos alunos.

Texto completo: PDF