Deficiência visual no ensino superior de música: ações, recursos e serviços sob a perspectiva de quatro egressos

Daltro Keenan Júnior, Regina Finck Schambeck

Resumo


Esta pesquisa investigou os principais recursos, serviços e ações que viabilizaramo acesso, a permanência e a conclusão da trajetória acadêmica de quatro egressos com deficiência visual, oriundos da graduação em música de instituições públicas do estado do Rio Grande do Sul, no período compreendido entre 2004 e 2012. A abordagem utilizada foi qualitativa, tendo como método a história oral e como ferramenta de geração de dados a entrevista temática. A categorização e a análise dos dados ampararam-se na análise de conteúdo e no software IRaMuTeQ. Constatou-se, pela fala dos entrevistados, grande dificuldade de acesso à bibliografia básica e adaptação de partituras em Braille. Diante disso, concluiu-se que a atuação dos núcleos de inclusão/acessibilidade e de alguns professores que reformularam suas metodologias, a presença de monitores/bolsistas e o auxílio de colegas e familia rescontribuíram para a permanência de estudantes com deficiência visual em um cursode graduação em música.

Palavras-chave: educação musical, deficiência visual, ensino superior


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN eletrônico: 2358-033X
ISSN impresso: 1518-2630

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.